Depoimentos de Alunos sobre a Arte Têxtil e Meditativa com Mandalas

Depoimentos de [email protected] que fizeram os cursos Presenciais e Online da Kamomillas

“Tenho me beneficiado muito com essa arte! Eu sinto ao tecer mandalas muita paz, tranquilidade, alegria! Parece que alguma coisa me envolve e sinto uma presença ao meu lado falando comigo só coisas boas, incentivando e me guiando e neste momento não sinto dores que são constantes em minha vida! Me esqueço de tudo que aconteceu de ruim em minha vida! As mágoas que eram muitas diminuíram e eu não entendo e não sei explicar isso muito bem! Acredito que por detrás dessa beleza toda existe alguém ou uma força que eu antes não conhecia e está transformando esses sentimentos de mágoa, ódio que sempre senti em algo melhor instantaneamente! Eu visualizo as mandalas prontas em minha mente! Eu fico ansioso para criá-las, apesar de não ter muita experiência, pois fiz apenas uma aula com a minha enteada Kátia! Agradeço a você minha filha! Professora te desejo muito sucesso! Que você continue espalhando essa luz para todos!”  Carlos Bianco – São Pedro D `Áldeia RJ

 

“Em 2013 no facebook vi um anúncio da Kamomilla Mandalas e fiquei
encantada. Me inscrevi no workshop e fiz minha primeira aula, tive
dificuldade no aprendizado, mas a Kátia com a sua delicadeza e
paciência não me deixou desistir. Fui para casa e comecei a tecer sem
conseguir parar, cada mandala terminada era uma alegria. A arte de
tecer mandalas me fez muito bem, me ajudou a passar por momentos
difíceis com mais calma. Minha mente se ocupava com cores, pontos e
fios. Sempre querendo aprender mais e me aperfeiçoar na técnica, fiz
vários workshops com a Kátia. Esta técnica me proporcionou conhecer
muitas pessoas, expor o meu trabalho em feiras, presentear, decorar a
minha casa e ainda oferecer oficinas. Só tenho a agradecer a Kátia pelo
aprendizado e pela sua força em levar esse lindo trabalho pelo mundo.
Gratidão Kátia Erbiste”

Mirian de Oliveira Barbosa, diretora da Mirian Mandalas, Rio de Janeiro

 

“Tudo começou em 2013, em um post no canto da página, aparecia uma moça linda, rodeada de lindas mandalas coloridas que me chamaram atenção. Eu artesã de várias artes não conhecia aquela. Cliquei e agendei uma aula. A primeira aula me encantou, mas confesso que não fui bem, o que não me abateu! Resolvi que eu iria me esforçar em casa até conseguir tecer aquelas belezuras. E assim foi. Teci, teci e teci…teci mais um pouco e mais. Fui fazendo outras aulas. E um dia,levei uma mandala que eu achei bonita para dar de presente para minha instrutora de Yoga. E recebi 3 encomendas! Voltei para casa quase voando, rsrsrs. E vieram outras encomendas, e fui para as feiras(que já ia com outras artes) com minhas mandalas. E nas feiras um sucesso! E estudando, fazendo mais cursos, presenciais e on line com a Kamomilla e minha amada Kátia. Até que fui para um grande evento na Cidade das Artes ensinar Ojos de Dios. Uma realização! E mais convites para dar aulas, encomendas, alegria e amizades! Enfim, a Kamomilla Mandalas e a Kátia Erbiste tornaram-se um divisor de fases em minha vida. E se eu for postar tudo que aprendi, ficaria muito longo esse agradecido depoimento! Não vou parar com as aulas, tenho muito ainda que aprender! Feliz por participar dessa linda teia colorida, harmoniosa e de muita amizade! Muita Luz, Prosperidade e ensinamentos! Parabéns Kamomilla Mandalas! Namastê _/\_♥!”

Sueli Catunda, Rio de Janeiro, diretora do Entuliê Kri Ativa

 

“Obrigada Katia Erbiste !!

“Sou feito de símbolos, Pedacinhos coloridos de cada vida que passa pela minha e que vou tecendo na alma. Nem sempre bonitos, nem sempre felizes, mas me acrescentam e me fazem ser quem eu sou.

Em cada encontro, em cada contato, vou ficando maior… Em cada mandala uma vida, uma lição, um carinho, uma saudade… que me tornam mais pessoa, mais humano, mais completa.

E penso que é assim mesmo que a vida se faz: de pedaços de outras gentes que vão se tornando parte da gente também. E a melhor parte é que nunca estaremos prontos, finalizados… haverá um desejo novo para adicionar à alma.

Portanto, obrigado a cada um de vocês, que fazem parte da minha vida e que me permitem engrandecer minha história com os fios que tecem o existir .

E que assim, de mandalas em mandalas , possamos nos tornar, um dia, um imenso bordado de ‘nós’.”❤

Sally Carvalho, psicóloga, Rio de Janeiro
[email protected] 

 

“Quando conheci o trabalho da Katia Erbiste com as mandalas, fiquei encantada a principio, com o colorido e as formas que me chamaram muito atenção e me tocaram com um desejo grande de aprender um pouco sobre essa Arte. Fui então fazer o Workshop na Tijuca com ela na ANYI, espaço de Yoga Integral.

Comecei a partir daí, tecer as mandalas em casa e presenteei várias pessoas! Percebia que cada uma delas se identificava com as cores  e com os pontos que pareciam ter sido feito especialmente para elas… E era na verdade! O que mais me encanta quando estou tecendo é perceber que as Mandalas tem uma personalidade própria. São elas que me guiam e não eu a elas. A cada mandala que inicio, penso na cor inicial para formar o Olho de Deus e a partir daí as cores vão me chamando, os pontos vão me convidando e ao terminar, olho para ela de longe e fico encantada! Sou tomada por uma sensação de prazer, de bem estar, de gratidão, sempre!

Obrigada Katia por ter me iniciado nessa prática que vou começar, agora, a passar esse conhecimento para outros! “

Marli Paes Leme , Rio de Janeiro, tecelã.

 

” Estou desde o ano passado tentando fazer um workshop de mandalas com a Katia, mas sempre aparecia algum imprevisto que me impediam de comparecer. Mas neste mês de Maio obtive a permissão de participar de dois dias mágicos,só de vibrações maravilhosas! Além de um sonho realizado sai transformada, com a certeza de que as mudanças que quero fazer são necessárias para o meu crescimento espiritual, como também fortalecida para virar uma página da minha vida que me foi imposta. Tenho muita gratidão, afinal foi o meu sustento até hoje, mas quero sair em busca dos meus sonhos e transformá-los em realidade. Ir em busca daquilo que eu realmente acredito e poder ajudar outras pessoas a se descobrirem. Pois foi exatamente isso que aconteceu, foi maravilhoso constatar que é possível ser feliz com tão pouco, tecendo com amor sem sentir tédio e muito menos sentir o tempo passar”.

Maria de Fátima Guedes Lima, Rio de Janeiro

 

Gislene Oliveira SP

Cresci em meio as criações de minha mãe, artesã nata : pinturas, bordados, costuras e todo tipo de arte, porem sempre achei que não havia herdado esta veia artística. Nunca me interessei em aprender e deixei ali, adormecido, todo o meu potencial criativo.
Até o dia que vi as mandalas em lã pela primeira vez. Foi amor à primeira vista. Finalmente uma arte havia tocado meu coração. Aprender esta técnica de tecelagem indígena, conhecer toda a história deste povo magnífico que são os Huicholes, foi sem duvida um presente e uma grande satisfação em minha vida. Descobri o grande prazer que existe na realização de um trabalho manual tão especial e prazeroso que são as mandalas.
A construção das mandalas é um processo terapêutico, lento, profundo , uma forma de meditação constante. Esse caráter meditativo da técnica propicia antes de mais nada, autoconhecimento. Através das cores e formas, da expressão da geometria sagrada, aprendemos a reorganizar os sentimentos , de forma a expressa-los de uma forma menos carregada de ego e mais repleta da nossa essência, o puro Amor.
Tecer mandalas nos conecta ao Divino, desperta nossa consciência, estrutura e organiza nosso desenvolvimento em muitos níveis : pessoal, espiritual, sociocultural e artístico ; servindo de modelo pra mente, um estado de ordem e paz, dando fim a inquietação interna e angustiante que essa vida capitalista por muitas vezes nos faz refém, nos afastando de quem realmente somos.
Venha fazer parte desta teia maravilhosa de cores e magia. Aprenda uma nova maneira de conduzir os fios da própria vida, expondo ao mundo seu lado mais puro e verdadeiro.
E dizendo tudo isso, não posso deixar de externar toda minha gratidão a essa pessoa maravilhosa e talentosa que é Kátia Erbiste e à Kamomilla Mandalas pela oportunidade de aprender a técnica de forma tão detalhada através dos cursos online que realizei no decorrer deste ultimo ano. Aprender com quem realmente ama o que faz, com quem sabe transmitir o conhecimento de forma generosa, com muita seriedade e ao mesmo tempo uma doçura que encanta, faz toda a diferença.
Namastê!”

 

Angela Bueno, Taubaté SP


“Sou Formada em Artes Visuais, Artesã desde criança, autodidata sempre fui encantada por cores, fios, formas, geometria sagrada, e principalmente artesanato regional, sempre buscando novidades e atividades que envolviam muita cor e criatividade.
Entrei no universo das mandalas em 2013 quando vi pela primeira vez uma foto de uma moça de cabelos longos cercadas de mandalas coloridas e fiquei fascinada! Procurei nas mídias, tentei tecer e até consegui! Mas eu precisava conhecer esta técnica fantástica foi quando procurei o curso com a amada Kátia Erbiste​ – Kamomilla Mandalas​ no Almazen em Mogi das Cruzes. Em 2015 e em 2016 também não pude deixar de comparecer.
A sensação de bem estar tomou conta do meu ser, ampliou minha criatividade, meu sossego interior também foi ampliado, levou-me ao autoconhecimento, e busca de mais conhecimento, tanto dos efeitos desta arte quanto ao compartilhamento da mesma.
Tecedeira do Destino – Assim me chamei depois de ser contaminada por este universo maravilhoso e colorido das Mandalas de fios.
Com o conhecimento da técnica botei em prática e teci muitas mandalas, presenteei muitas pessoas, porém algo em mim me direcionava outro caminho que era de apresentar para outras pessoas esta paz e alegria que acontecia ao confeccionar as mandalas. Foi então tive a iniciativa de fazer oficinas para outras pessoas que dei o nome de “Tecendo o Destino”.
Busquei estudos sobre estes benefícios e dentro dessa linha de arte e terapia, iniciei com o apoio e orientação da Kátia, formar grupos, unir pessoas com interesses em conhecer e confeccionar uma mandala, bem como o estudo das cores e seus efeitos no subconsciente.
Em minhas oficinas, procurei explorar os momentos de reflexão, união, o trabalho em grupo, a harmonia com o todo, a geometria sagrada, a essência do cada ser humano, a mente em constante movimento, os sentimentos, o relaxamento, bem como também o introspectivo de cada um.
Trabalhos maravilhosos foram feitos, e com esta teia pude conhecer pessoas, expandir meus horizontes, conquistar amizades maravilhosas.
Pessoas que através das oficinas trabalham puderam expandir assim como eu, seu lado artístico, profissional e psicológico. Puderam fazer mandalas para gerar renda e ajudar a outros assim como eu.
Hoje procuro espaços onde necessitem de apoio, de forma criativa, lúdica de unir a arte, com o amor ao próximo, terapia em forma de arte, e principalmente, tecer o destino de cada um como escolas, ONGs, Espaços terapêuticos, onde haja um público.
Reencontrei-me nesta arte, encontrei um meio de unir pessoas com a mesma finalidade, onde eu pude espalhar de forma amorosa, colorida e assim como o significado da mandala, unida num circulo onde tudo pertence ao mesmo todo.
Só tenho a agradecer e me inspirar nesta alma iluminada que me fez descobrir nesta forma artística de tecer mandalas, com toda sua calma, doce, didática, a arte que dissemina o mais puro amor.”
Facebook: facebook.com/angeladbueno

dezembro 11, 2018
KAMOMILLAS, todos os Direitos Reservados 2017